A importância da detecção e tratamento da fibrilação atrial precocemente, publicada pelo “European Heart Journal”.

Quanto antes ser diagnosticada, maior será o efeito preventivo contra doenças do declínio cognitivo.

Acesse o link do estudo completo e boa leitura!

https://doi.org/10.1093/eurheartj/ehx579

 

Veja abaixo trechos da matéria publicada sobre o mesmo tema na revista Veja

Importante descoberta sobre a fibrilação atrial.

Abaixo um trecho da matéria publicada na edição nº 2554 da revista Veja.  Ela mostra realmente a relevância do diagnóstico precoce. Esse estudos são importantes, pois a cada descoberta nova, nos abre muitas possibilidades para tratamentos e consequentemente buscar uma melhoria na qualidade de vida dos pacientes.

……….Um dos mais interessantes e bonitos aspectos da medicina é a descoberta inesperada de que um tratamento usualmente aplicado contra uma determinada doença pode ser eficaz também contra outra.  Um estudo conduzido pelo Instituto Karolinska, da Suécia, e publicado pela prestigiosa revista científica European Heart Journal, comprovou que remédios anticoagulantes são armas potentes para prevenir diversas modalidades de demência, inclusive a mais conhecida delas, o Alzheimer………

………..A principal hipótese para explicar o efeito dos anticoagulantes aventada pelos cientistas é o fato de esse tipo de medicação prevenir a formação de trombos que se acumulariam em vasos. Principalmente os de menor calibre.  Sem o remédio, os microcoágulos atrapalham a oxigenação cerebral, causando o declínio cognitivo.  Isso não significa que todo mundo deve sair tomando anticoagulantes.  O neurologista Renato Anghinah, do Hospital das Clínicas, em São Paulo, alerta.  “Os resultados são animadores, mas esse tipo de remédio, sem a indicação profissional, pode causar efeitos colaterais graves, sobretudo hemorragias”……………….

 

 

Acesse o link da matéria publicada pela Veja

Contra a demência

Confira aqui, clínicas que já utilizam o Web Looper.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *